Skip to content

Origens das Equipes: Scuderia Toro Rosso

07/12/2010

Continuando a sessão das ‘metamorfoses’ das equipes; agora falarei da Toro Rosso, também seguindo uma cronologia Red Bull > Toro Rosso. Mas essa história começou a 25 anos atrás, com um sujeito italiano chamado Giancarlo Minard.

Giancarlo Minardi já competia com sua equipe nas categorias de base, até que em 1985 resolveu entra na F1 com uma equipe com seu sobrenome. Assim como uma equipe novata, os primeiros desejos eram os pontos; entretanto, não sabe-se porque, a equipe conseguiu pontuar apenas 46 corridas após a sua estreia, apenas um ponto em 1988; terrível!

Bom, talvez o carro não fosse lá um dos melhores, ou seus engenhos não tivessem boa mão. Mas em 1989 , a Minardi viveu seus anos dourados, vendo Martini chegar em quinto no GP da Inglaterra e no GP de Portugal, e em sexto no GP da Austrália. Foi em terras lusitanas que a Minardi realizou sua maior façanha: liderar uma corrida. Foi apenas uma volta, mas “valeu o ingresso”.

Forza Minardi!

Das 21 temporadas da equipe italiana, em 10 Giancarlo Minardi viu sua equipe sem nenhum ponto. A Minardi sempre foi uma equipe pequena, que talvez pode ter sido afetada por falta de dinheiro, mas nunca conseguiu bons resultados, nem um pódio se quer. Chegaram 31 vezes na nona posição, e o melhor posto no grid foi apenas um segundo lugar.

O ano de 2005 seria mais um ano terrível para a equipe, se não fosse a corrida dos EUA com a doideira dos pneus, onde seus carros foram 5ª e 6ª posições. Talvez o desgosto tenha feito Giancarlo vende o “resto” de sua equipe para o magnata austríaco Dietrich Mateschitz, que já dono da Red Bull Racing, e usa a equipe para um aprendizado de pilotos para a equipe principal. Ele a nomeia de Red Bull Racing em italiano, Scuderia Toro Rosso. O resto da história fica para a próxima!

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. 07/12/2010 3:07 PM

    Grande Minardi… Trocou de nome mas não de resultados. Apesar da vitória de Vettel em Monza… Claro.

  2. 08/12/2010 4:35 PM

    A Toro Rosso só vem caindo, e isso é resultado de que a Red Bull não coloca mais dinheiro na equipe secundária- tanto que o STR5 foi o primeiro carro a ser feito em Faenza.

    A tendência é começar a melhorar, mas creio que a linha em 2011 será basicamente a mesma.

  3. Daniel Machado permalink
    08/12/2010 6:11 PM

    Pois é… depois de Vettel, a Toro Rosso voltou ao velho estilo Minardi de ser. MAs claro, a Minardi sempre terá mais admiradores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: