Skip to content

Os “restos mortais” da Toyota

04/09/2010

A última equipe japonesa que ainda existia na F1 era a Toyota; que após a crise econômica em 2008-2009 e pode se dizer por resultados insatisfatórios,  decidiu se retirar da F1.

A Toyota havia estreado na F1 em 2002; e em 2009 estava muito animada. Depois de bons resultados em 2008, o que lhe importava era a vitória. Só que a tal não veio, e com a ajuda da crise, a equipe se retirou da categoria.

Se retirou no fim de 2009, mas seu carro para 2010 estava praticamente pronto. Pelas imagens o que me pareceu um projeto bem sólido e bem preparado; que conta com traços parecidos com o da Red Bull, a melhor equipe no final de 2009. Os detalhes do carro saíram com exclusividade em uma revista automotiva, que você pode conferir aqui:

No início do ano, Zoran Stefanovic se manifestou como o comprador do projeto da Toyota para 2010. Sua intenção foi criar uma equipe sérvia, com o nome de Stefan GP. Entretanto, sua “equipe” não tinha vaga garantida para 2010, e ficou na expectativa da FIA abrir uma um lugar no grid. Houve também o boato de que seu carro já havia até sido ligado e que a cor seria vermelha; e só não realizou testes, porque não era inscrita na competição e não receberia pneus da categoria.

Seria esse o momento qual o modelo foi ligado? Provavelmente no pátio da sede da equipe.

E no final da história: a FIA não abriu vaga para a Stefan, e Stefanovic ficou chupando dedo. E acabou que a Toyota tinha um ótimo projeto para 2010 a qual provavelmente poderia surpreender; mas acabou por desistir da F1. Que pena, seria um ótimo carro!

Agora mais detalhes do projeto Toyota TF110.

Comentem!

Anúncios
5 Comentários leave one →
  1. 04/09/2010 6:37 PM

    I discovered your homepage by coincidence.
    Very interesting posts and well written.
    I will put your site on my blogroll.
    🙂

  2. Daniel Machado permalink
    05/09/2010 1:40 PM

    A Toyota merecia um futuro melhor. Eu via um futuro nela, sendo que eles tinham feito de tudo na F1 só não ganhou corridas ainda. FEz poles, pódios, voltar rapidas e muitos pontos. Eu gostava da Toyota, mas a questão financeira falou mais alto.

  3. 06/09/2010 1:53 PM

    Bela matéria. Já tinha visto antes, mas não desta maneira. Muito bem feito.

    Quanto à questão financeira… quem sabe, como eu, a quantidade de dinheiro que gastaram ao longo da década para não conseguirem mais do que meia dúzia de pole-positions e nenhuma vitória, digamos que a saída de cena era mais do que esperada. E também, com a politica que tinham dentro da marca, que não viram até que ponto a Formula 1 é bastante diferente dos ralis, por exemplo, digamos que depois de mais de mil milhões de euros gastos, era um desastre à espera de acontecer.

    Se alguém quiser saber, ou recordar as razões para a sua retirada, eis algo que escrevi em Novembro do ano passado:

    http://continental-circus.blogspot.com/2009/11/anatomia-de-um-desastre-chamado-toyota.html

    Abraços!

  4. 05/12/2010 8:18 AM

    Hello

    Looking forward to your next post

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: